Menores que tentam passar na fronteira dos EUA

Menores que tentam passar na fronteira dos EUA

Um dos grandes problemas que Joe Biden precisa enfrentar no início de seu governo é o dos menores que tentam passar na fronteira dos EUA.

Não é de hoje que milhares de pessoas tentam entrar ilegalmente nos Estados Unidos. A situação agora parece um pouco diferente, com milhares de menores chegando desacompanhados à fronteira.

Sem documentos ou responsáveis, esse contingente de jovens pode se tornar um problema. Mais que isso, há possibilidade de uma crise na região da fronteira, um local já politicamente sensível.

Como Biden vai lidar com os menores que tentam passar na fronteira dos EUA

Uma das promessas de campanha de Joe Biden é que sua política migratória seria diferente da de Trump. Porém, há dúvidas sobre como ele poderá manter uma linha mais suave que o antecessor.

Até o momento, Biden está usando uma normativa que foi aprovada por Trump. Assim, os imigrantes originários na maioria da América Central estão sendo deportados pra seus países de origem.

Quanto aos menores, no entanto, Biden decidiu que não vai expulsá-los. Isso, principalmente porque a maioria deles chega ao país fugindo da fome e da pobreza de seus locais de origem.

Ativistas criticam a situação

Para ativistas dos direitos humanos, manter apenas os menores entram ilegalmente nos EUA é um erro. Isso porque a maioria está sozinha e sem qualquer vínculo familiar.

Assim, isso poderia incentivar pais a enviarem seus filhos em perigosas jornadas, esperando que conseguissem uma vida melhor. A separação familiar poderia durar para sempre.

Ainda, nos Estados Unidos os jovens precisam permanecer por um longo período em centros de detenção. Nesses locais, estariam mais sujeitos à abusos, por estarem completamente sozinhos.

Solução difícil

Um dos grandes problemas dos menores que tentam atravessar a fronteira dos EUA é a ausência de documentos. Isso porque se torna difícil identificar suas famílias no território americano.

Assim, os jovens, até mesmo crianças com 6 anos de idade, permanecem anos sob custódia do Estado. Isso, segundo os ativistas, poderia gerar sérios traumas e danos ao seu desenvolvimento.

Biden e o Governo, por outro lado, afirmam que Trump destruiu a politica migratória. Assim, com um grande contingente de pessoas, vai demorar até que tudo possa se estabilizar.

O governo abriu no Texas um abrigo para cerca de 700 jovens recentemente. Somente em janeiro, cerca de 6 mil menores atravessaram a fronteira, segundo estimativas.

Conclusão

A crise envolvendo os menores que tentam passar na fronteira dos EUA ainda vai durar um bom tempo. Os pais continuarão a enviar suas crianças e o governo precisa encontrar uma alternativa.